Buscar
  • Claudio Correa Monteiro

Tempo de matar

Eu vou falar do livro Tempo de matar é o primeiro livro de John Grisham e foi adaptado para o cinema, com Matthew McConaughey no papel de Jack Brigance. Na cidade rural de Clanton, Mississippi, a pequena Tonya Hailey, uma criança negra de dez anos, é estuprada por dois homens brancos e abandonada num riacho para morrer. Quase imediatamente, os criminosos são capturados num bar de beira de estrada, onde estão se vangloriando de seu feito. Alguns dias depois, quando eles se apresentam no tribunal, o pai de Tonya, Carl, invade o subsolo do fórum e mata os dois com um fuzil. Assassinato ou execução? Justiça ou vingança? Quando Carl Lee Hailey abateu os monstros que estupraram a filha dele, a população local pede a sua absolvição, mas quando supremacistas forasteiros ouvem que um homem negro matou dois homens brancos, eles invadem a cidade determinados a eliminar tudo e todos em seu caminho. O jovem advogado Jack Brigance é contratado para defender Carl Lee Hailey. É o tipo de pode transformar um advogado iniciante em um profissional em um profissional de sucesso ou arruinar a sua carreira, além de ser o tipo de caso que pode fazer com que ele seja morto. Por dez dias, cruzes em chamas e os disparos de um franco-atirador tomam as ruas de Clanton. Enquanto o país assiste fascinado ao julgamento, Jack luta para salvar seu cliente e, depois, também a própria vida. Em Tempo de matar, John Grisham analisa as profundezas monstruosas da violência racial e, com uma narrativa eloquente, reflete sobre a face questionável da justiça em uma cidade pequena no Sul dos Estados Unidos. O livro é lançado pela Editora Rocco em 15 março 1994 e pela Editora Arqueiro (a edição que eu estou lendo) em 08 de novembro 2021.






2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo